skip to Main Content
7 Dicas Para Evitar Cair Em Fraudes Em Compras Online

7 dicas para evitar cair em fraudes em compras online

Veja recomendações muito importantes que preparamos para que você não tenha problemas ao fazer pagamentos em lojas virtuais na internet.

O isolamento social para evitar a proliferação do coronavírus trouxe várias mudanças em nossa rotina. Um dos comportamentos que, definitivamente, passaram a fazer mais parte de nosso dia a dia foram as compras online.

Todo mundo realizou alguma transação online, seja um simples pedido no restaurante do bairro até grandes compras em supermercados e lojas virtuais de roupas, eletrodomésticos, cosméticos ou qualquer outro produto. Afinal, hoje em dia conseguimos encontrar quase tudo na internet.

Muita gente ainda se sente insegura com esse tipo de compra, e com razão, já que é muito comum ouvirmos histórias de pessoas que sofreram golpes. Todos nós conhecemos alguém que não recebeu o produto ou que os seus dados pessoais foram usados indevidamente, entre outros tipos de fraudes.

Contudo, hoje, estamos aqui para dizer que, se você seguir algumas recomendações simples, a sua compra pode ser totalmente segura, sem nenhum risco desse tipo. Veja só nossas dicas abaixo!

1. Verifique as informações de contato com a loja

Quando acessar uma loja online de algum produto que te interessou, a primeira coisa que você deve fazer é verificar se ela disponibiliza canais de contato, como e-mail e telefone, para que você fale com eles em caso de qualquer problema.

Hoje em dia é até bastante comum que lojas disponibilizem o contato via Whatsapp ou chat em seu próprio portal, o que agiliza bastante uma conversa ou solicitação em caso de necessidade.

Já imaginou se o seu produto não chega no prazo combinado e só então você descobre que não tem com quem falar? A sensação de insegurança fica maior ainda, então é bom verificar esse detalhe antes de fazer a compra.

2. Consulte a reputação da empresa em sites como o ReclameAQUI

A própria internet é uma ferramenta maravilhosa para consultarmos se uma empresa é confiável, se ela tem uma boa reputação. E fazer essa pesquisa é essencial, principalmente quando é uma loja que você ainda não conhece e que está comprando pela primeira vez.

Um outro sinal de que você precisa fazer essa pesquisa é quando o preço é baixo demais. Valores muito tentadores é uma das iscas que pessoas mal intencionadas usam para nos atrair. É sempre bom lembrar daquele velho ditado popular que diz “quando a esmola é demais o santo desconfia”.

Consultar a reputação de uma loja ou produto é muito fácil. Por exemplo, você pode ir até o site ReclameAQUI e fazer uma pesquisa pelo nome da loja ou marca e, até mesmo, nas redes sociais como o Facebook você consegue verificar queixas de outros consumidores e ainda ver se costumam responder às reclamações e solucionar os problemas.

3. Dê preferência a lojas online recomendadas

Sempre que possível, escolha fazer suas compras em uma loja online da qual você tem recomendações de amigos ou familiares que já tenham utilizado o serviço e possam contar como foram suas experiências.

Essa é uma dica importante, principalmente se você já tentou fazer uma pesquisa sobre a reputação da loja na internet e não encontrou informações suficientes para garantir que é confiável.

4. Verifique se é um site de navegação segura

Você já sabe como verificar se um site é seguro? É muito simples, depois que digitar o endereço do site ou clicar em um link para a loja, ao abrir a página, na barra de navegação (ali onde você digita o www), deve aparecer o desenho de um cadeado fechado.

Para ter ainda mais certeza, após aparecer o desenho do cadeado, clique sobre ele com o cursor do seu mouse. Abaixo, você verá uma janela com a informação “A conexão é segura”.

Esse cadeado é a informação que “A conexão é segura” te dão a certeza de que todas as informações que você inserir, como seus dados pessoais e do cartão de crédito, serão criptografadas.

Proteger as suas informações pessoais é uma obrigação da loja, como previsto pela nova Lei Geral de Proteção de Dados, a LGPD. Caso queira saber mais detalhes de como as empresas devem proteger a sua privacidade, clique aqui e leia o nosso post aqui do blog sobre esse tema.

5. Desconfie de promoções “imperdíveis”

Mais acima, nós te relembrados que “quando a esmola é demais, o santo desconfia”. E você não pode esquecer disso e cair em tentação, principalmente quando recebe promoções com links por e-mail, redes sociais, mensagens de texto no celular ou Whatsapp.

Um desconto muito generoso, ou seja, muito abaixo do que outras lojas estão cobrando, pode ser um sinal de grande risco. O produto pode ter algum defeito ou qualidade inferior que não foi informada, pode ser pirata ou até mesmo um golpe no qual você nunca receberá o que comprou.

E, além de tudo isso, quando você recebe esse tipo de oferta por algum link, é possível que seja o chamado “phishing”. Trata-se de um golpe muito comum que instala programas maldosos em seu computador ou telefone celular, os vírus, que podem roubar todas as informações salvas, até mesmo dados e senhas bancárias.

6. Tome cuidado com o uso de redes públicas de wi-fi

Se a sua intenção é fazer alguma compra online na qual vá informar seus dados pessoais e do cartão de crédito, evite usar redes públicas de wi-fi, como em restaurantes, parques, etc.

Para esse tipo de navegação, as redes de wi-fi públicas não são confiáveis pois se tornam uma porta de entrada para pessoas mal intencionadas acessarem o seu computador ou telefone celular e agir como no “phishing”, que explicamos acima.

Se a rede púbica não é segura, nem é preciso dizer que computadores públicos, como os disponíveis em lan houses ou bibliotecas, são igualmente arriscados, não é mesmo? Evite usá-los para esse tipo de compra.

7. Use senhas difíceis e específicas para cada canal

Ao fazer o seu cadastro nas lojas online, evite usar senhas muito fáceis como números e letras repetidas ou sequenciais, como “aaaaaa” ou “123456”, e até mesmo a sua data de nascimento, que é a primeira informação que alguém mal intencionado vai tentar se quiser invadir suas contas.

Priorize sempre senhas maiores e mais complexas. Sempre que possível, use uma combinação de letras maiúsculas e minúsculas, números e símbolos, como “@” e “#”.

Além disso, não use a mesma senha para tudo, pois se alguém consegue acessar e descobrir sua senha, terá a faca e o queijo na mão para acessar tudo o que é seu.

Dica Bônus: Use o DMCard Mastercard com o CVC dinâmico

Você já ouviu falar do CVC do seu cartão de crédito? Quem já usou esse formato de pagamento para compras online já precisou informá-lo. Trata-se de uma sigla que significa “Código de Verificação do Cartão”. São aqueles três números que, normalmente, estão impressos no lado de trás de seu cartão.

Você utiliza o número do CVC para fazer suas compras online ou por telefone. Essa, foi uma forma encontrada para oferecer um pouco mais de segurança nesse formato de pagamento. No entanto, se uma pessoa mal-intencionada tiver acesso ao plástico de seu cartão e ao número do CVC, poderia utilizá-lo para compras que você não autorizou.

O DMCard Mastercard é um dos únicos cartões de crédito do mercado que trabalha com o modelo de CVC dinâmico. O número não vem impresso no cartão. Isso significa, que apenas pessoas autorizadas e com acesso ao celular do titular do cartão, conseguiram utilizá-lo.

 

Quando você precisar do número do CVC para fazer um pagamento online ou por telefone, você deve consultá-lo no aplicativo DM App em seu telefone celular, como na ilustração ao lado.

E você sabe por que chamamos ele de dinâmico? Porque ele muda em alguns segundos, ou seja, a cada compra você terá um número diferente. Portanto, mesmo que alguém tenha acesso a esse número em uma compra não poderá utilizá-lo novamente na próxima vez, ou seja, muito mais segurança e tranquilidade em suas compras.

Caso queira ter essa segurança para você, entre na lista de espera do DMCard Mastercard clicando aqui.

Boas compras pela internet!

E então, agora está mais confiante em fazer suas compras online? Tenha certeza que seguindo direitinho todas estas recomendações você diminui consideravelmente qualquer risco de fraude ou problemas.

Aqui no blog estamos sempre compartilhando dicas como essas que te ajudam a ter uma vida financeira mais tranquila. Além disso, para ficar sempre por dentro das novidades aqui do blog e da DMCard, acompanhe a gente no Facebook e no Instagram.

Back To Top
×Close search
Buscar